tatuagem mapa mundo cultura

Dúvida de intercâmbio: morar com brasileiros ou estrangeiros?

Muita gente que se prepara para um intercâmbio tem essa dúvida: devo morar com brasileiros para facilitar a adaptação ou com estrangeiros para praticar o idioma? 

Depois de ler este post, vai ficar um pouco mais fácil decidir.

A ideia aqui não é mostrar simplesmente o que é melhor. E, sim, trazer informações para você escolher o que é melhor para VOCÊ. 

Já passamos pelas duas experiências e, por isso, estamos compartilhando com você os prós e os contras de cada situação. Como tudo na vida, a decisão vai depender do seu perfil e dos seus objetivos.

Quer tornar sua escolha mais fácil? Experimente escolher os 3 pontos que mais fazem diferença para você. E então, veja para que direção eles apontam – isso se você não quiser simplesmente seguir seus instintos, é claro.

 

VANTAGENS DE MORAR COM ESTRANGEIROS

IDIOMA – 

intercambio-idiomas

É fato que morar com estrangeiros vai obrigar você a praticar o idioma do país.

E não importa que os gringos que moram com você sejam de países que falam línguas completamente diferentes.

Eles também precisam praticar e não têm alternativa a não ser falar com você na língua local.

 

CULTURA – 

intercambio-cultura

Uma das falas mais comuns numa conversa com estrangeiros é: “no meu país não é assim. Em vez disso, temos algo diferente…”.

E o bate-papo facilmente flui para uma troca cultural de experiências e estilos diferentes de enxergar um mesmo assunto.

A quantidade de cultura que você absorve ao lidar diariamente com gringos é fatalmente maior do que simplesmente ler informações ou assistir filmes sobre o país deles.

Além disso, você sai da “bolha” que existe quando convive só com gente da sua cultura.

 

AMIGOS ESPALHADOS PELO MUNDO – 

intercambio-amigos

A médio e longo prazo, essa é uma das vantagens mais empolgantes.

Ao conviver com estrangeiros dos mais diversos locais do mundo, você faz amigos de diferentes países, continentes, climas, culturas.

Você sai dessa experiência com convites para visitar lugares do Leste Europeu, América do Sul, Sudeste da Ásia e por aí vai.

Imagine fazer uma volta ao mundo se hospedando em casas de vários amigos. Nada mal, hein!?

 

LIBERDADE

intercambio-liberdade

Enquanto amigos brasileiros vão se sentir no direito de dar opiniões e se preocupar com a sua vida, os gringos não estão nem aí. E, sim!, isso pode ser bom.

Se acharem seus costumes estranhos, vão simplesmente pensar que “é coisa de brasileiro”. Sem muitos julgamentos. Sem muito preconceito.

E o mais interessante é que você também assume uma postura mais liberal. É uma ótima oportunidade para aceitar o “diferente” sem torcer o nariz.

 

LADO RUIM

– Dependendo das nacionalidades, os estrangeiros podem ser bem mais frios que os brasileiros.  Você vai ter que saber respeitar os espaços alheios.

Se você gosta de culturas mais “quentes”, sempre é bom conviver com latinos. Lembrando que isso é bem genérico e você pode acabar descobrindo pessoas com personalidades bem inesperadas, no bom e no mau sentido.

– Como já mencionamos ali em cima, os padrões de higiene dos gringos podem nos incomodar. Por isso, sempre vale dar uma olhada na casa e tentar conversar com os moradores pra tirar uma temperatura.

– Saudade de pátria amada? Morando com estrangeiros, ninguém vai entender por que você sente falta do feijão e arroz, por exemplo.

Outra coisa é que nós, latinos, somos muito apegados à família. Ao contrário da gente, muitos gringos não veem sentido em falar com a família no skype com frequência, ou querer saber como andam as coisas na sua cidade natal.

 

VANTAGENS DE MORAR COM BRASILEIROS

COMIDA

intercambio-comida-brasileira

Você é daqueles que sente falta do tempero brasileiro, do feijão com arroz, da farofa?

Morar com brasileiros vai te ajudar a compartilhar ingredientes, receitas e refeições típicas.

Fora que você vai ter alguém que entenda sua saudade gastronômica. Ah, também dá pra economizar um pouco na hora de cozinhar em casa as nossas comidinhas.

 

– COMPANHIA PRA TUDO – 

intercambio

Não que os gringos não sejam parceiros para sair ou mesmo conversar, mas brasileiros vão convidar você para tudo. Ou convidar a si próprios para os programas que você escolher.

Além disso, brasileiro é mais “espaçoso” e geralmente a casa se torna um espaço comunitário, enquanto morar com gringos pode fazer com que cada pessoa preserve seu próprio espaço.

 

– CONTATOS PARA EMPREGOS E TUDO O QUE VOCÊ PRECISAR –

intercambio-morar

A gente já tem essa mania. Brasileiro vive passando contato de tudo o que é coisa.

Desde emprego até cabeleireiro, lugar pra consertar algo, lojas, e, claro, novos amigos.

A tendência é: quanto mais brasileiros convivem com você, mais e mais brasileiros você vai acabar conhecendo ao longo do tempo.

 

– HIGIENE –

intercambio-moradia

Padrões de higiene são diferentes ao redor do mundo. O que é sujo para a gente pode ser normal para outros povos.

Em geral, brasileiros costumam ser um dos povos mais limpos. Então, se for morar com gringos, se prepare, pois tudo pode acontecer.

Você pode dar sorte e não ter absolutamente nenhum problema. Como pode dar um azar de conviver com pessoas sujas e desorganizadas.

 

LADO RUIM

– Morando entre compatriotas, você acaba tendo um “Brasil” dentro do estrangeiro. Não é necessariamente ruim, mas você demora para entrar de cabeça no dia a dia local.

O idioma pode dar uma travada. Você leva mais tempo para se acostumar a pensar no idioma estrangeiro, já que conversar em português é mais fácil e rápido.

– Você enxerga menos o diferente. Apesar de estar aberto a novas culturas, sua convivência com elas é menor. Consequentemente, seu “universo” se expande menos, digamos assim.

 

E aí, já decidiu se você quer morar com brasileiros ou com gringos? Tá na hora de procurar acomodação.  Trouxemos algumas dicas extras que podem ser úteis. Boa sorte!

DICA EXTRA #1:

Para morar com brasileiros, entre nas comunidades de facebook do tipo “Brasileiros em Dublin / Brasileiros em Vancouver / Brasileiros em Auckland”. Sempre tem anúncios por lá.

DICA EXTRA #2:

Para morar com gringos, sites de classificados são ótima opção. Outra é falar com colegas da aula. Outra ainda é prestar atenção nos cartazes com anúncios colados em postes.

DICA EXTRA #3:

Dê uma olhada também no AirBnb, onde você pode encontrar aluguéis temporários em casas de nativos. É ótimo pra treinar idiomas (e clicando no nosso link você ainda ganha um desconto)!.

 

Falando em moradia, olha que legal este post (esse é bem pessoal):

10 lições que aprendi ao morar com 8 estrangeiros [a #9 é a melhor]

 

Qualquer coisa, dá um grito nos comentários. Estamos aqui para ajudar.

Todas as imagens: Flickr (CC0)